Agronomic efficiency for nitrogen, phosphorus, and potassium in bean cultivars

  • Jéssica Schroder Pacheco UEG/Discente mestre em Produção Vegetal
  • Cecília Leão Pereira Resende UEG/Discente mestranda em Produção Vegetal
  • Rafael Correia Mendes UEG/Agrônomo
  • Helton Santos Pereira Embrapa Arroz e Feijão/Pesquisador A
  • Fabricio Rodrigues UEG/Docente
Keywords: Phaseolus vulgaris, yield, nutritional efficiency, technological level

Abstract

The aim of this investigative study was to identify and categorize new bean cultivars regarding their efficiency and responsiveness to nitrogen, phosphorus, and potassium, both individually and simultaneously, as well as to stipulate the cultivars that would suit each niche market based on this classification. Three experiments were conducted in the field separated by nutrients adopting the randomized block design in a factorial scheme (11 x 4) of 11 cultivars in four doses with three replications. Grain yield was the variable investigated and the means were the basis for the classification separated by in four availabilities: low, partial, adequate dose, and nutritional excess. Genetic variability was observed among the bean cultivars for efficiency and responsiveness (agronomic efficiency) to nitrogen, phosphorus, and potassium. The following cultivars: BRS Agreste, BRS Estilo, BRS Notável, and Pérola revealed the greatest values of efficiency and responsive ratings for nitrogen, phosphorus, and potassium, with indications for low and high technological levels. On the contrary, the cultivars BRS Ametista and BRS Sublime based on the efficiency and non-responsive classification showed a low ability to acquire or utilize the nutrients for grain formation. The BRS Pontal cultivar for all three nutrients displayed a high degree of efficiency with a value exceeding the average under different conditions of stress, suggesting that a more rustic cultivar best suits the market niche of small farmers.

Downloads

Download data is not yet available.

Author Biographies

Jéssica Schroder Pacheco, UEG/Discente mestre em Produção Vegetal
Engenheira Agrônoma formada na Universidade Estadual de Goiás, Câmpus Ipameri-Go, ano de 2013
Cecília Leão Pereira Resende, UEG/Discente mestranda em Produção Vegetal
Graduação em Agronomia pela Universidade Estadual de Goiás - Câmpus Ipameri (2017). Participou de projetos de pesquisa, relacionados à melhoramento vegetal (Grupo de Pesquisa MelhorVe), atuando nas linhas de pesquisas em eficiência nutricional e hídrica, atualmente, como mestranda na mesma linha de pesquisa.
Rafael Correia Mendes, UEG/Agrônomo
Estudante de Agronomia na Universidade Estadual de Goiás- Unidade de Ipameri. Participa de projetos de pesquisa, relacionados à melhoramento vegetal (Grupo de Pesquisa MelhorVe), atuando nas linhas de pesquisas em eficiência nutricional e hídrica. Atualmente é Diretor Presidente da Empresa Júnior da UEG, em Ipameri (SEMEIA J
Helton Santos Pereira, Embrapa Arroz e Feijão/Pesquisador A
Formado em Agronomia no ano de 2000, mestre e doutor em Agronomia/Genética e Melhoramento de Plantas em 2003 e 2006, pela Universidade Federal de Lavras, onde trabalhou com e utilização de marcadores moleculares e melhoramento de feijoeiro-comum visando resistência a doenças. Atualmente é pesquisador da Embrapa Arroz e Feijão, atuando principalmente nos seguintes temas: Genética e melhoramento de feijoeiro-comum para diversos caracteres de importância econômica; Desenvolvimento de novas cultivares; Indicação de cultivares para as regiões produtoras e interação genótipos x ambientes; e aplicação de marcadores moleculares no melhoramento do feijoeiro-comum. Além disso, é docente permanente do programa de pós-graduação da Universidade Federal de Goiás em genética e melhoramento de plantas, bolsista de produtividade em desenvolvimento tecnológico (DT) pelo CNPq, nível 1D e membro do comitê de assessoramento em DT, também do CNPq.
Fabricio Rodrigues, UEG/Docente
Graduação em Agronomia pela Universidade Estadual de Montes Claros (UNIMONTES - 2004), mestrado ( UFLA - 2007) e doutorado em Genética e Melhoramento de Plantas (UFLA - 2010), além de Pós-doutorado em Eficiência Nutricional em Milho (UFG - 2014) e Eficiência Nutricional em feijão (2015). Participou de vários projetos de pesquisa desenvolvidos pela EPAMIG e outros orgãos de pesquisa na região do Norte de Minas, também, foi Bolsista de Apoio Técnico da EMBRAPA MILHO E SORGO, na qual desenvolveu cultivares e metodologias para o melhoramento do Sorgo, contribuindo para uma gama de pesquisas sobre aquisição de fósforo e tolerância ao alumínio em sorgo. Possui experiência no controle biológico de pragas (EPAMIG), no desenvolvimento de projetos de pesquisa (EPAMIG, EMBRAPA, UNIMONTES e UFLA) e no desenvolvimento de cultivares de milho, sorgo e batata. Atualmente, é professor efetivo, na Universidade Estadual de Goiás, ministrando as disciplinas de melhoramento vegetal e biotecnologia vegetal, para os cursos de Agronomia e Engenharia Florestal e, também, Métodos de Melhoramento de Plantas para a pós-graduação em Produção Vegetal. 
Published
2020-06-08
How to Cite
Pacheco, J. S., Pereira Resende, C. L., Mendes, R. C., Pereira, H. S., & Rodrigues, F. (2020). Agronomic efficiency for nitrogen, phosphorus, and potassium in bean cultivars. Bioscience Journal , 36(5). https://doi.org/10.14393/BJ-v36n5a2020-42340
Section
Agricultural Sciences