Correlação do tamanho e da distribuição dos agregados em latossolos amarelo da região do Triângulo Mineiro com diferentes ambientes

  • Risely Ferraz Almeida Mestranda do Instituto de Ciências Agrárias, Universidade Federal de Uberlândia
  • Henrique Amorim Machado Mestranda do Programa de Pós-Graduação em Geografia, Universidade Federal de Uberlândia
  • Fernanda Pereira Martins Mestranda do Programa de Pós-Graduação em Geografia, Universidade Federal de Uberlândia
  • Isabel Dayane de Sousa Queiroz Mestranda do Instituto de Ciências Agrárias, Universidade Federal de Uberlândia
  • Welldy Gonçalves Teixeira Mestranda do Instituto de Ciências Agrárias, Universidade Federal de Uberlândia
  • Joseph Elias Rodrigues Mikhael Mestrando do Instituto de Ciências Agrárias, Universidade Federal de Uberlândia
  • Elias Nascentes Borges Professor Doutor do Instituto de Ciências Agrárias, Universidade Federal de Uberlândia

Abstract

A estabilidade do agregado no solo é um parâmetro físico cuja importância é reconhecida por aqueles profissionais que estudam o processo de erosão do solo. Essa estabilidade depende, principalmente, da textura do solo, da sua mineralogia, do teor e tipos de matéria orgânica, assim como da umidade do solo. Nesta perspectiva, objetiva-se, com este trabalho, identificar o tamanho e distribuição dos agregados e correlacioná-los com os fatores físicos e químicos dos solos em um Latossolo amarelo na região do Triângulo Mineiro, estado de Minas Gerais. As amostras de solo foram coletadas em diferentes ambientes (cerrado natural, pastagem com braquearia, plantio direto com milho e monocultura com eucalipto) em duas profundidades, de 0-20 cm e de 20-40 cm. A partir dos resultados foi possível constatar que as práticas de manejo nos ambientes estudados influenciaram no tamanho e na distribuição dos agregados dos solos. A mudança do ambiente com cerrado natural para plantio com o milho contribuiu para a obtenção de menores diâmetros médios geométricos - DMG, na camada de 20-40 cm, no entanto, constatou-se maior quantidade C-org e uma distribuição uniforme do tamanho dos agregados nos intervalos estudados. O uso de cama de peru na pastagem contribuiu para reduzir os teores de C orgânico do solo, embora tenha melhorado a agregação.

Downloads

Download data is not yet available.
Published
2014-06-30
How to Cite
Almeida, R. F., Machado, H. A., Martins, F. P., de Sousa Queiroz, I. D., Teixeira, W. G., Mikhael, J. E. R., & Borges, E. N. (2014). Correlação do tamanho e da distribuição dos agregados em latossolos amarelo da região do Triângulo Mineiro com diferentes ambientes . Bioscience Journal , 30(5). Retrieved from http://www.seer.ufu.br/index.php/biosciencejournal/article/view/22146
Section
Agricultural Sciences