Produção de mudas de manjericão com diferentes tipos de substratos e recipientes

  • Arie Fitzgerald Blank Universidade Federal de Sergipe
  • Maria Fátima Arrigoni-Blank Universidade Federal de Sergipe
  • José Luiz Sandes Carvalho Filho uNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO
  • Antonio Lucrécio Santos Neto Universidade Federal de Alagoas
  • Verônica Freitas Amancio-Lima Universidade Federal de Sergipe

Abstract

A utilização de pó de coco em substratos para obtenção de mudas tem crescido principalmente na região Nordeste do Brasil, onde essa matéria prima pode ser obtida com facilidade. No entanto, poucos são os trabalhos com a utilização deste substrato em espécies como o manjericão. Desta forma, objetivou-se avaliar o desempenho de mudas de manjericão cv. Genovese em substratos contendo pó de coco, foram conduzidos dois experimentos. No primeiro, avaliou-se o efeito de doses de calcário (0 1 e 2 g L-1 de substrato) e fertilizante formulado [NPK 06-24-12 + (6% Ca; 5% S; 0,2% Zn; 0,05% B; 0,02% Cu; 0,15% Fe; 0,10% Mn e 0,003% B) - 3, 6 e 9 g L-1 de substrato], em mistura de pó de coco + vermiculita (1:1). No segundo, avaliou-se o efeito de recipientes e composições de substratos contendo esterco bovino curtido. Após a avaliação dos resultados, conclui-se que a produção de mudas de manjericão utilizando calcário e NPK em bandeja de poliestireno expandido de 128 células, deve-se utilizar pó de coco acrescido com 1 g L-1 de calcário dolomítico com 9 g L-1 de fertilizante 06-24-12 + Micro. Já para uma produção de mudas utilizando esterco bovino curtido, o substrato indicado é o pó de coco e esterco bovino curtido na proporção de 2:1, em tubetes.

Downloads

Download data is not yet available.

Author Biography

José Luiz Sandes Carvalho Filho, uNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO
Agronomia/Melhoramento Vegetal-Olericultura
Published
2014-04-02
How to Cite
Blank, A. F., Arrigoni-Blank, M. F., Carvalho Filho, J. L. S., Santos Neto, A. L., & Amancio-Lima, V. F. (2014). Produção de mudas de manjericão com diferentes tipos de substratos e recipientes . Bioscience Journal, 30(3). Retrieved from http://www.seer.ufu.br/index.php/biosciencejournal/article/view/14127
Section
Agricultural Sciences