Produção do mangarito em função do tamanho do rizoma-semente

  • André Costa da Silva Universidade Federal de Lavras
  • Cecílio Frois Caldeira Júnior INRA-SupAgro
  • Cândido Alves da Costa Universidade Federal de Minas Gerais

Abstract

O objetivo deste trabalho foi avaliar a resposta produtiva do mangarito em função de diferentes tamanhos de rizomas-semente. O delineamento experimental utilizado foi de blocos casualizados com três tipos de rizomas-semente (rizoma mãe, rizoma -filho 1 e rizoma -filho 2) e sete repetições, compostas por 16 plantas. Avaliou-se a massa fresca total das oito plantas centrais; a massa dos oito rizomas-mãe e dos rizomas-filho, a produção líquida e comercial. Verificou-se que a produção total, líquida e de rizoma-mãe e filho foi maior ao usar como semente o rizoma-mãe; no entanto, a produção comercial do rizoma-mãe foi estatisticamente igual à do rizoma-filho 1. Recomenda-se o cultivo de Xanthosoma mafaffa Schott usando como semente propágulos de rizoma-mãe por apresentar uma maior produção e por não ser comercializável.

Downloads

Download data is not yet available.

Author Biographies

André Costa da Silva, Universidade Federal de Lavras
Estudante de doutorado da Universidade Federal de Lavras
Cecílio Frois Caldeira Júnior, INRA-SupAgro
Estudante de doutorado pela INRA-SupAgro na França
Cândido Alves da Costa, Universidade Federal de Minas Gerais
Professor de Olericultura da Universidade Federal de Minas Gerais
Published
2011-08-12
How to Cite
Silva, A. C. da, Caldeira Júnior, C. F., & da Costa, C. A. (2011). Produção do mangarito em função do tamanho do rizoma-semente . Bioscience Journal, 27(5). Retrieved from http://www.seer.ufu.br/index.php/biosciencejournal/article/view/11683
Section
Agricultural Sciences