A sincronia entre valores tradicionais e modernos na Academia Imperial de Belas Artes: os envios de Rodolfo Amoedo

  • Sônia Gomes Pereira

Resumo

Este artigo trata de algumas discussões importantes que vieram à tona a partir da reavaliação historiográfica da arte brasileira do século XIX. Enfatiza a coexistência de pinturas tradicionais e modernas dentro da Academia Imperial de Belas Artes, tomando como caso de estudo os envios de Rodolfo Amoedo durante o seu pensionato em Paris (1879 — 1887) e a recepção destes trabalhos na Academia do Rio pelos velhos mestres. PALAVRAS-CHAVE: Pintura; século XIX; Academia; Rodolfo Amoedo. ABSTRACT: This article focus on some important discussions about the ultimate retaking of the Brazilian 19th art studies. It emphasizes the presence of both the traditional and the modern paintings inside the Imperial Academy of Fine Arts of Rio de Janeiro, examining Rodolfo Amoedo´s works during his scholarship in Paris (1879 — 1887) e its reception by the academic masters. KEYWORDS: Painting; 19th century; Academy; Rodolfo Amoedo.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2010-12-13
Como Citar
Pereira, S. G. (2010). A sincronia entre valores tradicionais e modernos na Academia Imperial de Belas Artes: os envios de Rodolfo Amoedo. Artcultura, 12(20). Recuperado de http://www.seer.ufu.br/index.php/artcultura/article/view/11308
Seção
Minidossiê: Entresséculos: imagens de arte e cultura visual