A filosofia mestiça de Michel Serres: relações entre o corpo, conhecimento e educação

Palavras-chave: Michel Serres, Corpo, Conhecimento, Educação, Mestiçagem

Resumo

¹Pesquisa financiada com bolsa de pós-doutorado pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Capes.

O presente artigo nasce na necessidade em sistematizar a discussão do Seminário de Estudos: "Michel Serres: relações entre corpo, conhecimento e educação" realizado no Programa de Pós-graduação em Educação da UFPR. Um dos requisitos para conclusão do estágio pós-doutoral em Educação, no ano de 2017. Para isto, mobilizou-se um esforço em interpretar três obras de Michel Serres, no que tange as relações entre corpo, conhecimento e educação, sendo que o método comparatista do autor, em questão, provoca a comunicação entre os conceitos anunciados, de maneira misturada, mesclada, zebrada, conforme a linguagem que ele utiliza. Em síntese, Michel Serres considera o corpo como suporte do saber e da invenção. E o conhecimento que se produz na educação como mestiçagem.

Palavras-chave: Michel Serres. Corpo. Conhecimento. Educação. Mestiçagem. 

Data de registro: 01/04/2018

Data de aceite: 20/06/2018

The mestizo philosophy of Michel Serres: relationships between the body, knowledge and education

Abstract: This article born of the need for systematize of a discussion in the Seminar on Studies: "Michel Serres: relationships between the body, knowledge and education", performed on as part of the Postgraduation Program in Education of the UFPR. A course conclusion requirement of the postdoctorate practical training placement in Education, in the year 2017. For this, an effort was made to interpret in the three works of Michel Serres, in reference of the relationships between the body, knowledge and education, being that the comparatist method, this author, causes the communication between the concepts announced in a mixed, blended, intermingled way, according to the language Serres uses. In summary, Michel Serres to consider the body as support for knowledge and invention. And knowledge that occurs in the education as intermingled.

Keywords: Michel Serres. Body. Knowledge. Education. Intermingled.

La filosofía mestiza de Michel Serres: relaciones entre el cuerpo, conocimiento y educación

Resumen: El presente artículo nace en la necesidad de sistematizar la discusión del Seminario de Estudios: "Michel Serres: relaciones entre cuerpo, conocimiento y educación" realizado en el Programa de Postgrado en Educación de la UFPR. Uno de los requisitos para conclusión de prácticas post-doctorales en Educación, en el año 2017. Para ello, se movilizó un esfuerzo en interpretar tres obras de Michel Serres, en lo que se refiere a las relaciones entre cuerpo, conocimiento y educación, siendo que el método comparatista del autor, en cuestión, que provoca la comunicación entre los conceptos anunciados, de manera mixto, mezclada, cebrada, según el lenguaje que Serres utiliza. En síntesis, Michel Serres considera el cuerpo como soporte del saber y de la invención. Y el conocimiento que se produce en la educación como mestizaje.

Palabras-clave: Michel Serres. Cuerpo. Conocimiento. Educación. Mestizaje.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Alexandre Vanzuita, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Catarinense (IFC)

Doutor em Educação pela Universidade do Vale do Itajaí (UNIVALI). Professor de Ensino Básico, Técnico e
Tecnológico do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Catarinense (IFC) - Campus Camboriú. E-mail:
alexandre.vanzuita@ifc.edu.br

Marynelma Camargo Garanhani, Universidade Federal do Paraná (UFPR)

Doutora em Educação pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUCSP). Professora associada do
Departamento de Educação Física e do Programa de Mestrado e Doutorado em Educação da Universidade Federal do Paraná (UFPR). E-mail: marynelma@ufpr.br

Referências

SANTOS, Maria Emanuela Esteves dos. Educação e Contemporaneidade em Michel Serres. Pro-Posições, v. 26, n. 1, pp. 239-257. 2015. https://doi.org/10.1590/0103-7307201507615

________. A multiplicidade como teoria da comunicação na filosofia de Michel Serres e suas contribuições para o pensamento em educação. 248 p. (Tese de Doutorado). Universidade Estadual de Campinas – UNICAMP: Campinas, 2016.

SERRES, Michel. O contrato natural. Portugal: Instituto Piaget, 1990.

________. Le tiers-instruit. Paris: Éditions François Bourin, 1991.

________. Filosofia mestiça. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1993a.

________. O terceiro instruído. Portugal: Instituto Piaget, 1993b.

________. Luzes: cinco entrevistas com Bruno Latour. São Paulo: Unimarco Editora, 1999.

________. Os cinco sentidos: a filosofia dos corpos misturados. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2001.

________. Variações sobre o corpo. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2004.

________. Julio Verne: a ciência e o homem contemporâneo – Michel Serres: diálogos com Jean-Paul Dekiss. Tradução: Mônica Cristina Corrêa. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2007.

________. Ramos. Tradução: Edgar de Assis Carvalho, Mariza Perassi Bosco. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2008.

________. Polegarzinha. Tradução. Jorge Bastos. 2. ed. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2015.

Publicado
2018-12-21
Como Citar
Vanzuita, A., & Garanhani, M. C. (2018). A filosofia mestiça de Michel Serres: relações entre o corpo, conhecimento e educação. EDUCAÇÃO E FILOSOFIA, 32(66). https://doi.org/10.14393/REVEDFIL.issn.0102-6801.v32n66a2018-05
Seção
Artigos