Ciranda de experimentações: giros que ressoam forças

  • Alik Wunder Universidade Estadual de Campinas
  • Alda Regina Tognini Romaguera Universidade de Sorocaba - UNISO
  • Davina Marques Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (Hortolândia)
Palavras-chave: Deleuze. Fotografia. Africanidade.

Resumo

* Doutora em Educação pela Universidade Estadual de Campinas, professora e pesquisadora na Faculdade de Educação da Unicamp. 

** Doutora em Educação pela Faculdade de Educação da Unicamp e professora pesquisadora da Universidade de Sorocaba (UNISO).

*** Doutora em Estudos Comparados de Literaturas de Língua Portuguesa (USP), professora no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (Hortolândia). 

Ciranda de experimentações: giros que ressoam forças

Resumo: Este artigo é atravessado por pensamentos e experimentações que circulam nas oficinas de criação com imagens e escritas literárias do Núcleo de Leitura "Fabulografias" da Associação de Leitura do Brasil. Um texto atravessado também pelos conceitos de acontecimento e fabulação de Gilles Deleuze, e pelo desejo de, pelas imagens e palavras, extrair forças-áfricas, gerar movimentos de criação coletiva. Tomamos como tema das oficinas as africanidades que se fabulam na literatura, no cinema e na fotografia brasileira e de países africanos lusófonos: Angola, Moçambique, Guiné-bissau, Cabo-Verde. A partir do encontro com algumas destas formas singulares de ficcionar os fatos históricos e culturais e de 'habitar' a língua portuguesa, convidamos pessoas - estudantes, professores, artistas, pesquisadores - a produzir fotografias, vídeos e escritas literárias na ressonância das obras artísticas. Aposta-se nestas produções para a ampliação e pluralização dos sentidos das identidades afro-brasileiras como potência da estética do acontecimento e suas forças em devir.

Palavras-chave: Deleuze. Fotografia. Africanidade.

Ciranda de experimentaciones: giros que resuenan fuerzas

Resumen: Éste artículo es atravesado por pensamientos y experimentaciones que circulan en los talleres de creación con imágenes y escrituras literarias del Núcleo de Lectura "Fabulografías" de la Asociación de Lectura del Brasil. Un texto atravesado también por los conceptos de acontecimiento y fabulación de Gilles Deleuze, y por el deseo de, mediante imágenes y palabras, extraer fuerzas-africanas, generando movimientos de creación colectiva. Tomamos como tema de los talleres las africanidades que se fabulan en la literatura, el cine y la fotografía brasilera y de países lusófonos africanos: Angola, Mozambique, Guinea-Bissau, y Cabo Verde. A partir del encuentro con algunas de esas formas singulares de ficcionar los hechos históricos y culturales y de "habitar" la lengua portuguesa, invitamos personas-estudiantes, profesores, artistas e investigadores para producir fotografías, videos y escritos literarios en la resonancia de las obras artísticas. Se apuesta en dichas producciones para la ampliación y pluralización de los sentidos sobre identidades afro-brasileras como potencia de la estética del acontecimiento y sus fuerzas en devenir.

Palabras-clave: Deleuze, Fotografía, Africanidad.

Ciranda of experiments: spins that resound forces

Abstract: This article is crossed by thoughts and experiments that circulate in the creation workshops with images and literary writings of the "Fabulografias" Reading Nucleus of the Brazilian Reading Association. A text also crossed by the concepts of event and fable of Gilles Deleuze, and by the desire, through the images and words, to extract African forces, to generate movements of collective creation. We take as the theme of the workshops the Africanities that fable in Brazilian literature, movies and photography and from African lusophone countries: Angola, Guinea-Bissau, Cabo Verde. From the encounter with some of these singular ways of fictioning the historical and cultural facts and of "inhatibing" the Portuguese language, we invite people - students, teachers, artists, researchers - to produce photographs, videos and literary writings in the resonance of artistic works. It bets on these productions for the amplification and pluralization of the senses of Afro-Brazilian identities like the power of the aesthetics of the event to open forces in becoming.

Keywords: Deleuze. Photography. Africanity.

Data de registro: 03/12/2017

Data de aceite: 21/02/2018

Referências

DELEUZE, Gilles. Lógica do sentido. Tradução de Luiz Roberto Salinas Fortes. São Paulo: Perspectiva, 1974.

______. O ato de criação. Tradução de José Marcos Macedo. Folha de São Paulo, Caderno MAIS, 27/06/99, p. 04-05.

DELEUZE, Gilles; GUATARRI, Félix. Kafka - por uma literatura menor. Tradução de Julio Castañon Guimarães. Rio de Janeiro: Imago, 1977.

______. Mil platôs: capitalismo e esquizofrenia. Volume 1. Tradução de Aurélio Guerra. São Paulo: Editora 34, 1995.

LOPES, Silvina Rodrigues. Literatura, defesa do atrito. Lisboa: Vendaval, 2003.

MALUFE, Annita Costa. Deslocamentos do sentido em Deleuze: implicações para a leitura. ALEGRAR, n. 8, Dez. 2011.

SKLIAR, Carlos. Desobedecer a Linguagem. Belo Horizonte: Autêntica, 2014.

VILELA, Eugênia; BÃRCENA, Fernando. Acontecimento. In: CARVALHO, Adalberto Dias de (coord.). Dicionário de filosofia da educação. Porto: Porto Editora, 2006. p. 14-19.

WUNDER, Alik. Ãfricas em Ventos. Revista Studium, v. 9, 2011. Disponível em: <http://www.studium.iar.unicamp.br/divagacoes/>. Acesso em: 14 set. 2015.

______; ROMAGUERA, Alda. Experimentações coletivas por entre poesias, fotografias e ventos-áfricas. Revista Informática na Educação, v. 17, n. 2, 2014. Disponível em: <http://www.seer.ufrgs.br/InfEducTeoriaPratica/article/view/38482>. Acesso em: 14 set. 2015.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Alik Wunder, Universidade Estadual de Campinas
Doutora em Educação pela Universidade Estadual de Campinas, professora e pesquisadora na Faculdade de Educação da Unicamp. Pesquisa educação, filosofia contemporânea e imagem.
Alda Regina Tognini Romaguera, Universidade de Sorocaba - UNISO
Doutora em Educação pela Faculdade de Educação da Unicamp e professora pesquisadora da Universidade de Sorocaba - UNISO. Desenvolve projetos de pesquisa, organiza oficinas de criação e exposições, como pesquisadora colaboradora do grupo OLHO na FE/UNICAMP.
Davina Marques, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (Hortolândia)
Doutora em Estudos Comparados de Literaturas de Língua Portuguesa (USP), professora no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (Hortolândia) e membro da diretoria da Associação de Leitura do Brasil (ALB). Atua principalmente nos seguintes temas: literatura, cinema, filosofia, educação, ensino de línguas e tradução.
Publicado
2017-12-31
Como Citar
Wunder, A., Romaguera, A. R. T., & Marques, D. (2017). Ciranda de experimentações: giros que ressoam forças. EDUCAÇÃO E FILOSOFIA, 31(63), 1539-1557. https://doi.org/10.14393/REVEDFIL.issn.0102-6801.v31n63a2017-12
Seção
Dossiê Artes e Oficinas: incursões na filosofia de Deleuze-Guattari